Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

É na simplicidade que encontramos as melhores coisas da vida.

01
Mar15

Pato com Laranja e Vinho do Porto

por Cozinha com a Ju

Esta é daquelas refeições com pouquíssimos ingredientes, repleta de sabores e própria para um dia especial, pois demora um pouco a confecionar...

 

Patocomlaranja.jpg

 

 

Ingredientes para 4 pessoas

 

2 Peitos de pato e 2 pernas de pato

3 Laranjas médias

1 Limão

100 ml de Vinho do Porto Quinta da Sequeira

400 ml de Caldo de pato ou galinha

100 gr de Açúcar

1 Colher de sobremesa de farinha maisena

2 Colheres de sopa de margarina líquida

Sal e pimenta preta q.b.

Salsa para salpicar no fim

 

Preparação

 

Retirem a casca de duas laranjas e um limão, com cuidado para que não tenha a parte branca. De seguida descasquem as duas laranjas completamente e o limão, eliminem qualquer parte branca e piquem a polpa.

 

Num tachinho aqueçam a margarina e adicionem as cascas finas que cortaram do limão e da laranja e salteiem 2-3 minutos, adicionem 50 gr de açúcar e deixem que cozinhe até começar a caramelizar, nesta altura adicionem a polpa do limão e das 2 laranjas, e o vinho do Porto Quinta da Sequeira. Deixem cozinhar em lume brando até o álcool evaporar, adicionem o caldo de pato, deixem levantar fervura, reduzam o calor e deixem apurar cerca de 40 minutos. Coem o caldo, tapem e reservem.

 

Caramelizar a casca de laranja - opcional

Cortem a casca da terceira laranja, sem a parte branca, em tiras largas, coloquem num tacho com água fria levem ao lume para ferver 1-2 minutos. Retirem e voltem a repetir este processo por mais duas vezes, esta é uma forma de eliminar o sabor amargo e amolecer a casca da laranja.

 

Cortem as castas em tiras com 1mm de largura, aqueçam o restante açúcar com 50 ml de água, mexendo para dissolver, quando começar a ferver adicionem as cascas das laranjas e cozinhem suavemente durante cerca de 15 minutos, até que comecem a caramelizar. Retirem com o garfo deixando escorrer bem, coloquem num prato separados para que não se colem.

--------

Façam cortes na pele do peito de pato até chegar à carne, temperem com sal e pimenta preta.

 

Aqueçam uma frigideira em lume médio a forte e adicionem os peitos com a pele virada para baixo, deixem cozinhar até toda a gordura estar completamente derretida e a pele esteja crocante e dourada, atenção à temperatura pois se estiver muito alta podem queimar rapidamente. Virem e deixem cozinhar cerca de 8 minutos – os meus peitos eram muito altos, em caso de só terem 2-3 cm o tempo são cerca de 2-3 minutos. Retirem e deixem repousar coberto em papel de alumínio.

 

Na gordura do peito do pato adicionem as pernas temperadas com sal e pimenta preta, deixem alourar bem de ambos os lados, tapem, reduzam para lume baixo e deixem cozinhar por 30 minutos, ou até a carne estar tenra.

 

Voltem a aquecer o caldo que prepararam com a polpa das laranjas e quando começar a ferver adicionem a farinha maisena dissolvida numa colher de sopa de água fria, deixem cozer a farinha, temperem com sal e retifiquem o sabor, pois poderá ser necessário acrescentar umas gotas de sumo de limão.

 

Coloquem os peitos e as pernas num prato de servir, reguem com o caldo, adicionem as cascas de laranja caramelizada e salpiquem com salsa fresca.

 

Eu servi com um delicioso puré de batata com tomilho-limão

 

Experimentem…

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

09
Fev15

Trifle de Morangos

por Cozinha com a Ju

Uma sobremesa deliciosa, fácil de confecionar onde podem usar sobras de bolo e aproveitar para se deliciarem

 

trifle de morango.jpg

 

 

Ingredientes

 

0,5 Litro de leite-creme

0,5 L de natas batidas em chantilly

Morangos q.b.

Licor de cacau q.b. opcional

 

Bolo:

 

3 Ovos M

1 Chávena de açúcar

1 Chávena de farinha

1 Colher de chá de fermento

Mei chávena de água quente

 

Preparação

 

Untem uma forma 30x20 com manteiga, forrem o fundo com papel vegetal, untem-no também e passem por farinha.

 

Batam os ovos com o açúcar até obter um preparado fofo e esbranquiçado, adicionem a farinha peneirada com o fermento e envolvam tudo mas sem bater, adicionem a água e envolvam novamente, vertam para a forma e levem a coser em forno pré-aquecido a 170 graus cerca de 20 minutos, façam o teste do palito, 5 minutos depois de acabar de cozer desenformem e deixem arrefecer por completo.

 

Numa taça comecem por colocar uma camada de leite-creme no fundo, cubram com uma camada de bolo e salpiquem-na com o licor de cacau, caso não tenham salpiquem-no com uma calda de açúcar, cubram com uma camada de leite-creme e outra de chantilly, disponham os morangos cortados em fatias finas por cima e á volta da taça, adicionem mais uma camada de bolo salpicada com o licor de cacau ou a calda de açúcar, adicionem o restante leite-creme, cubram com natas, à volta da taça e por cima do chantilly coloquem os morangos, levem ao frio de um dia para o outro.

 

triflemorangos2.jpg

 

 

Experimentem...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

16
Jan15

Esta é sem dúvida a receita de bolos mais apreciada cá em casa, e não só, quando os meus filhos fazem anos, e mesmo antes de os fazerem, perguntam-me " Este ano é o bolinho de cenoura?". Mas desta vez levei a gulodice ao extremo e em vez de um único bolo fiz estes pequenos petit fours que são um pecado de doce...

 

 

petitfour.jpg.jpg

 

 

Ingredientes 24 petit fours

 

300 gr de farinha trigo sem fermento

150 gr de açúcar amarelo

100 gr de açúcar branco

300 gr de cenoura ralada

75 m de óleo

1 colher de chá de canela em pó

1 colher de sobremesa de fermento em pó

1 pitada de sal

4 ovos L

250 gr de chocolate para culinária

200 ml de natas

 

Preparação

 

No liquidificador colocar os açúcares, a cenoura ralada, o óleo e os ovos. Triturar bem para que fique uma mistura homogénea. Numa taça colocar a farinha, o fermento, a canela e o sal, adicionar o preparado anterior e misturar tudo co uma vara de arames, mas sem bater, se batermos muito a farinha os bolos ficam rijos.

 

Verter o preparado para um tabuleiro retangular, forrado com papel vegetal, untado co manteiga e polvilhado com farinha. Levar ao forno pré-aquecido a 180 graus cerca de 30-40 minutos. Fazer o teste do palito para verificar que está cozido. Deixem na forma por 5 minutos e desenformem. Depois de frio cortem em quadrados.

 

Aquecer as natas, adicionar o chocolate partido em pedaços e misturar bem para o chocolate derreter e ficarmos com um creme acetinado.

 

Com a ajuda de um garfo mergulhar cada quadrado de bolo no chocolate, deixando escorrer o excesso. Colocar em forminhas de papel.

 

Experimentem…

 

cenoura2.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

12
Jan15

Leite Creme

por Cozinha com a Ju

Uma das sobremesas mais simples e mais apreciadas por nós cá em casa. Mas um bom Leite Creme tem muita ciência por de trás, ora é o ponto de coagulação das proteínas, ora é o caracter extremamente hidrofílico do açucar, ora são as temperaturas a que devem estar os componentes etc...bem confesso que o 18 a química está a ser bem aplicado na cozinha, mas deixando a ciência um pouco à parte vamos ao que interessa agora, a RECEITA.

 

leitecreme.jpg

 

 

Ingredientes

 

 

1 litro de leite gordo

Casca de 1 limão pequeno

10 gemas de ovo L

250 gr de açúcar

25 gr de amido de milho (maisena)

Açúcar q.b. para caramelizar

 

 

Preparação

 

Levem ao lume o leite com a casca de limão e deixem ferver por 2 minutos.

 

Deixem arrefecer um pouco, retirem a casca e a nata que se formar.

 

Batam as gemas com o açúcar e a farinha maisena (peneirada) misturem bem até obter um preparado sedoso, mas sem fazer espuma.

 

Adicionem um pouco de leite sobre as gemas e mexam bem, isto serve para temperar as gemas para que não fiquemos com ovos mexidos. Adicionem agora as gemas ao preparado e levem novamente ao lume, fraco, mexendo sempre até o amido cozer e engrossar e sem nunca deixar ferver.

 

Depois se cozido eu gosto de passar o creme por um passador de rede fina, deste modo algum coágulo que se tenha formado fica retido e temos um creme mais fino e aveludado.

 

Vertam para um prato de servir e deixem arrefecer para criar uma espécie de crosta. Na altura de servir polvilhem generosamente com açúcar e queimem com o maçarico de cozinha ou com o ferro de queimar.

 

Experimentem…

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A gastronomia tem coisas maravilhosas, esta é uma delas, como é que algo tão simples é ao mesmo tempo algo tão bom...

 

profiteroles.jpg

 

 

Ingredientes

 

150 gr de Farinha trigo sem fermento

1 Colher de chá de fermento em pó

300 ml de Água

100 gr de Margarina

5 Ovos M

1 Pitada de sal

 

Preparação

 

Peneirem a farinha juntamente com o fermento e reservem.

 

Levem uma panela ao lume com a água, o sal e a margarina, quando começar a ferver, retirem a panela do lume e adicionem de uma só vez o preparado da farinha, mexam bem até formar uma bola. Levem a lume brando para cozer um pouco mais a farinha, quando a massa começar a despegar da panela, retirem.

 

Mexam um pouco a massa para arrefecer ligeiramente. Agora adicionem os ovos um a um, batendo muito bem entre cada adição e só adicionando o seguinte quando o ovo anterior estiver completamente absorvido. Batam bem a massa até que ela comece a fazer bolhas.

 

Deitem agora a massa num saco de pasteleiro com bico liso e largo. Num tabuleiro coloquem uma folha de papel vegetal e façam “montinhos” de massa separada 4-5 cm entre si. Caso não tenham saco de pasteleiro utilizem uma colher de sopa. Podem fazer “montinhos” maiores ou mais pequenos, dependendo do tamanho que querem para os profiteroles.

 

Levem a cozer em forno pré-aquecido a 200 graus, com o tabuleiro colocado a meio do forno durante 20 minutos, mesmo que eles vos parecem cozidos deixem ficar os 20 minutos pois por dentro poderão estar crus, e se isso acontecer os vossos profiteroles vão abater e ficar pegajosos por dentro, e o que nós queremos é uma massa suave, levemente estaladiça e que se desfaça na boca…

 

Depois de cozidos deixem-nos arrefecer por completo no forno com a porta entreaberta.

 

Esta massa dá para duas fornadas por isso de duas, uma ou fazem metade da receita, ou entre uma e outra fornada tirem o tabuleiro com muito cuidado, deixem arrefecer um pouco os profiteroles e depois transfiram-nos para uma grelha para arrefecerem.

 

Molho de chocolate

 

200 gr de chocolate de leite

150 ml de leite

1 colher de sopa de manteiga

 

Levem o leite e a manteiga ao leme até quase ferver, retirem a pelicula de nata que se forma. Retirem a panela do lume, adicionem o chocolate partido em pedaços pequenos e mexam bem até que o chocolate esteja completamente derretido.

 

Montagem

 

Depois de frios façam um golpe lateral nos profiteroles e recheiem-nos com chantilly, vertam o molho de chocolate, que deve estar morno e sirvam.

 

Experimentem…

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Porque dias especiais merecem sem dúvida uma receita especial...

 

Medalhões de Vitela com Camarão e Risotto de Erv

 

 

Ingredientes para 4 pessoas

 

4 medalhões do lombo de vitela com cerca de 250 gr cada

Sal e pimenta preta q.b.

2 dentes de alho

1 folha de louro

2 colheres de sopa de margarina Vaqueiro

 

Arroz

 

1 Caneca de arroz para risotto  

Cerca de 4 canecas de caldo de carne, eu usei caldo de frango que fiz, podem usar de compra adicionando um caldo de carne á água.

2 Colheres de sopa de margarina liquida Vaqueiro

1 chávena de ervilhas

½ Chávena de queijo parmigiano ralado no momento

2 Chalotas

100 ml de vinho branco

Sal q.b.

50 gr de manteiga sem sal

 

Preparação

 

 Arroz

 

Adicionem a uma panela a margarina vaqueiro, quando estiver quente adicionem a chalota bem picadinha e deixem refogar um pouco, adicionem o arroz, mexam, adicionem as ervilhas e uma concha de sopa de caldo que deve estar quente, mexam e quando começarem a ver o fundo da panela adicionem conchas de sopa de caldo 2 a duas, vão mexendo, cerca de 10 minutos depois adicionem o vinho, temperem com sal e continuem a adicionar caldo até o risotto estar cozido, cerca de 20-25 minutos a partir do momento que entra na panela.

 

Deixem o risotto com um pouco de caldo adicionem o queijo pouco antes de retirarem o risoto do lume, adicionem a manteiga logo apos o retirarem do lume e envolvam bem para amanteigar o risotto.

 

Carne

 

Levem ao lume uma frigideira, quando estiver quente coloquem o louro e os dentes de alho juntamente com a margarina e os medalhões, temperados com sal e pimenta no momento, deixem alourar de ambos os lados, eu gosto deles mal passados por isso o tempo vai depender do vosso gosto pessoal, coloquem num prato coberto com papel de alumínio para não arrefecerem, e deixem descansar por 5 minutos.

 

Sirvam com o risotto e os camarões, a receita podem encontra-la aqui, mas sem a maçã

 

Experimentem…

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

23
Dez14

Filhoses da Sogra

por Cozinha com a Ju

Foi a primeira vez que fiz estas filhoses, quem as costuma fazer é a minha sogra...mas eu não tenho a receita, por isso recorri ao paladar para criar a receita... e não é que acertei, bem claro que o marido disse logo que as da mãe eram mehores mas isso é mais que normal.

 

É uma receita simples com pouco açucar e acompanham tão bem o café logo pela manhã

 

filhosesdasogra.jpg

 

 

Ingredientes para 24 filhoses

Nota: Peçam ajuda a algúem para as fritar, é mais rápido estando algúem a virar e a tirar as filhoses.

 

500 gr de farinha de trigo sem fermento tipo 65

Meia chávena de leite

Meia chávena de azeite fervido

3 Ovos l

2 Colheres de sopa de açúcar

Uma colher de chá de sal

1 Pacote de levedura seca

2 Colheres de sopa de aguardente

 

Preparação

 

Para conseguirem bons resultados no processo de levedar a massa é essencial que todos os ingredientes líquidos estejam mornos, por isso coloquem os ovos num recipiente com água quente. Quando acabarem de ferver o azeite juntem o leite, o sal e a aguardente, isto vai permitir aquecer o leite e a aguardente e derreter o sal. Atenção os ingredientes têm de estar mornos não quentes por isso se necessário deixem arrefecer a mistura do azeite e leite.

 

Numa taça coloquem a farinha, o açucar e a levedura seca, envolvam, adicionem a mistura morna do leite com o azeite, e batam bem, eu usei a máquina com o gancho para massas mas podem amassá-las à mão vai demorar é mais tempo.

 

Quando virem que está tudo envolvido comecem a adicionar os ovos um a um, envolvendo bem antes de adicionar o outro. A massa terá de ter uma consistência firme, quase massa de pão, por isso pode ser necessário usar mais ou menos um ovo. Se baterem a massa à mão levará cerca de 10 a 15 minutos, até sentirem a massa a fazer bolhas, elástica e sem quebrar, na máquina demora mais ou menos metade do tempo.

 

Tapem com pelicula aderente na qual fazem uns furinhos e levem a levedar em local quente e sem correntes de ar. Eu costumo ligar a luz do forno e colocar lá dentro.

 

Quando dobrar de volume, entre 40 a 60 minutos, untem a bancada com um pouco de óleo, façam bolinhas de massa e comecem a tendê-las com a ajuda do rolo da massa, que também deve estar untado, a massa deve ficar fina, dêem-lhes 3 cortes com uma faca e fritem em óleo abundante e moderadamente quente, eu prefiro fritar numa frigideira.

 

Escorram sobre papel vegetal e sirvam-nas simples os polvilhadas com acusar e canela.

 

Experimentem…

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

21
Dez14

Rabanadas

por Cozinha com a Ju

O meu pai adorava rabanadas, era dos seus doces preferidos no Natal...estas fi-las a pensar nele...

 

rabanadas.jpg.jpg

 

 

Ingredientes

 

1 cacete para rabanadas, eu gosto de usar pão de forma comprado na padaria.

2 litros de leite

400 gr de açúcar

2 paus de canela

1 cálice de vinho do porto

Raspa de 1 laranja

5 ovos

 

Preparação

 

Nota: o pão deve ter 3 dias para estar mais seco, podem acelerar o processo cortando as fatias e deixando-as ao ar de um dia para o outro

 

Cortem fatias com cerca de 1,5 cm de espessura e disponham-nas num tabuleiro ou em dois se não couberem.

 

Levem ao lume num tacho o leite, o açúcar, o vinho do porto, os paus da canela e a casca da laranja, deixem fervilhar por 5 minutos.

 

Batam as gemas com um pouco de leite.

 

Vertam o preparado do leite, morno, sobre as fatias de pão e deixem absorver por completo, quando todo o leite tiver sido absorvido deitem sobre ele as gemas.

 

Numa frigideira antiaderente coloquem um fio de óleo, aqueçam e fritem as rabanadas até ficarem loirinhas de cada lado.

 

Coloquem num prato de servir e polvilhem-nas com açúcar, ou com açúcar e canela.

 

Eu gosto mais delas de um dia para o outro…

 

rabanadas2.jpg.jpg

 

 

Experimentem…

Autoria e outros dados (tags, etc)

20
Dez14

Uma forma diferente de servir bacalhau na noite de consoada...

 

 

bacalhaudenatal.jpg.jpg

 

 

Ingredientes para 4 pessoas

 

4 lombos de bacalhau

600 gr de batatas

1 molhos de grelos de couve

4 ovos cozidos

2 folhas de louro

3 dentes de alho

1 ramo de tomilho

Sal e azeite q.b.

 

Preparação

 

Descasquem as batatas, cortem-nas em pedaços e cozam-nas em água temperada com sal. Depois de cozidas, escorram-nas deitem-nas numa travessa e esmaguem-nas com garfo.

 

Retirem os caules mais grossos aos grelos, levem uma panela com água ao lume temperada com sal e quando começar a ferver adicionem os grelos, deixem-nos cozer por cerca de 5 minutos, retirem-nos e passem-nos por água fria. Cortem-nos em juliana grossa.

 

Num tacho coloquem os lombos, o alho descascado e esmagado, o tomilho e o louro, reguem com azeite até metade do bacalhau ficar submerso. Levem a lume brando e deixem apenas fervilhar o azeite ligeiramente. O bacalhau estará cozido quando espetarem um palito e ele sair facilmente, cerca de 10 minutos.

 

Coloquem uma quantidade generosa de azeite onde cozeram o bacalhau numa frigideira e quando estiver quente adicionem os grelos e de seguida as batatas, envolvam tudo muito bem.

 

Disponham os ovos numa travessa, coloquem por cima a esmagada de batata e depois o bacalhau, podem fazer este processo em pratos individuais pois fica com uma apresentação mais bonita.

 

Experimentem…

Autoria e outros dados (tags, etc)

Que nome tão grande para algo tão simples....

 

queijonoforno.jpg

 

 

Ingredientes

 

 1 embalagem de queijo camembert

1 dente de alho

1 raminho de alecrim

25 gr de Salpicão Porminho

Tostas para acompanhar

 

Preparação

 

Retirem a embalagem de plástico que envolve o queijo, coloquem o queijo na caixa de madeira onde ele vem.

 

Retirem a casca ao alho e cortem-no no sentido longitudinal em 4, espetem os pedaços de alho e o alecrim no queijo.

 

Cortem o Salpicão em cubos pequenos e cubram o queijo.

 

Levem ao forno bem quente por cerca de 10 minutos. Antes de servir retirem o alho e o alecrim.

 

Sirvam com tostas ou pão torrado.

Experimentem…

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Onde Estou

Top blogs de receitas Todas as receitas estão no Petitchef

Parcerias



Os melhores fãs do mundo



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D